• Facebook
  • Google plus
  • Twitter
  • LinkedIn

5 cervejarias artesanais que mais vendem nos EUA

O mercado cervejeiro está em franca ascensão em todo o mundo. Um dos países que mais se destaca por sua ampla cultura cervejeira são os Estados Unidos da América, no qual a expansão cervejeira data do início da década de 90. Você sabe quais são as cervejarias que mais se destacam no cenário norte-americano? Continue lendo para saber mais sobre as preferências do público americano entusiasta das cervejas especiais!

The Boston Beer Company

A cervejaria de Massachussets é conhecida pela marca Samuel Adams, a artesanal mais vendida nos Estados Unidos. São mais de 30 estilos diferentes de cerveja. O carro chefe da operação é a Samuel Adams Lager, que tem receita datando do início de 1800, quando o tataravô do fundador da cervejaria, Jim Koch, já fazia suas cervejas especiais. Essa tradição familiar também faz da Boston Beer Company uma líder de mercado. Nos últimos cinco anos é a cervejaria com o maior número de premiações em concursos de cervejas especiais. Por ser uma cervejaria independente, seu foco está 100% na cerveja, não dando espaço para apelos comerciais. São mais de 2 milhões e 400 mil barris de cerveja vendidos ao ano, que lhe dão a liderança no mercado norte-americano.

Sierra Nevada Brewing Co.

Vem da pequena cidade de Chico, na Califórnia. É a segunda cervejaria com maior volume de venda dentre as cervejarias artesanais nos Estados Unidos, com mais de 800 mil barris comercializados anualmente. Sua principal cerveja é a Sierra Nevada Pale Ale. Recentemente, a Sierra Nevada concluiu uma expansão, abrindo uma filial na Carolina do Norte. Apesar da Pale Ale ser o carro chefe, a cada nova estação surgem novidades da cervejaria californiana, caso do combo de quatro cervejas IPA diferentes em um só pack: Blindfold, Torpedo, Golden e Ruthless. Três cervejas são os mais novos lançamentos da marca: Hop Hunter IPA, uma Pilsner chamada Nooner e a Hoppy Lager, Beer Camp.

New Belgium Brewing

São mais de 700 mil barris de cerveja vendidos por essa cervejaria artesanal de Fort Collins, no Colorado. Seus destaques são as cervejas Fat Tire e Lips of Faith, uma Amber Ale e uma Sour Ale, onde a segunda passa pelo processo de Dry Hopping. O site da cervejaria chama a atenção por contar com um sistema de bonificação para quem interage com a marca no ambiente, bem como nas redes sociais. Além de contar com uma loja que vende peças de roupa com as marcas da New Belgium, a marca se destaca por produzir mais de vinte rótulos sazonais, de vários estilos e para diversas épocas do ano. Contam com um kit para cervejas especiais para as comemorações de Dia de Ação de Graças, Natal e Ano Novo, conhecido como pack Jolly Season.

Craft Brew Alliance

Em quarto lugar fica a Craft Brew, a qual ultrapassa o marco de 600 mil barris de cerveja comercializados por ano. A cervejaria fica no noroeste dos Estados Unidos, em Portland, no Oregon. Atualmente é a junção de outras quatro cervejarias artesanais espalhadas pelos Estados Unidos: a Redhook Brewery, Widmer Brothers Brewing, Kona Brewing Company e Omission Beer. A primeira foi fundada nos anos 80 em Seattle, Washington, também na Costa Oeste do país. Fundada pelos irmãos Kurt e Rob, a Widmer se estabeleceu em Portland, em 1984. A Kona surgiu uma década após e está baseada no Havaí. A Omission Beer é feita pelos irmãos Widmer e se caracteriza por ser feita com ingredientes naturais, sendo famosa também por não ter adição de glúten em sua receita. Dentro das ramificações dessas quatro marcas, temos um largo espectro de cervejas que, juntas, atingem esse espetacular montante de vendas.

Spoetzl Brewery 

Na pacata Shiner, no Texas, está a cervejaria que encerra este ranking das mais vendidas em terras norte-americanas. A saída da Spoetzl está um pouco abaixo dos 500 mil barris por ano. O principal item de produção é a Shiner Bock, uma cerveja que não é exatamente a cara do calorento estado da estrela solitária. Afinal, é uma bebida marcada para consumo preferencial nos meses de inverno. A corrida no estado texano era pelo ouro, mas o que acharam em Shiner foi muita água! Logo, pela iniciativa de alguns entusiastas, foi possível transformar água em uma cerveja saborosa, produzida desde 1909. Porém, foi em 1970 que a cerveja de Shiner se popularizou pelo Texas, sendo vendida a três dólares o copo: um sucesso estrondoso principalmente na capital Austin, levando pouco tempo para um reconhecimento a nível nacional. Os diversos rótulos da Spoetzl se beneficiaram da expansão cervejeira norte-americana, nos anos 90 para conquistar grande público.

Quanto aos estilos favoritos nos Estados Unidos, temos a liderança das IPA’s (India Pale Ale), seguida por Pale Ale, Amber Ale e Amber Lager. A seguir, aparecem as cervejas de trigo na preferência dos gringos.

Para saber mais sobre o mundo das cervejas especiais acompanhe o blog da Beer & Bier!

Toda semana tem novidade pra você!