• Facebook
  • Google plus
  • Twitter
  • LinkedIn

O processo de Produção Artesanal de Cerveja

*por Alessandro Bessa

Esse artigo tem o objetivo de desmistificar o processo de produção de cerveja. Antes de conhecermos o processo, imaginamos que a fabricação de cerveja só é possível através da utilização de equipamento industrial e processos complexos, dependentes de alta tecnologia. Entretanto, veremos que a produção dessa deliciosa bebida é bem mais simples do que parece.

Elaboração da Receita

É durante a elaboração da receita que o cervejeiro define como será o produto final. Os ingredientes básicos são: água, malte, lúpulo e levedura. São esses ingredientes que definem as características da cerveja, como a cor, colarinho, aroma e amargor, entre outras.

Moagem

Os grãos são moídos com o objetivo de expor o amido presente em seu núcleo. A moagem dos grãos deve ser realizada de modo que as cascas, na medida do possível, sejam preservadas. Como veremos adiante, as cascas desempenharão papel fundamental na filtração.

Mostura

A mostura (ou brassagem) ocorre quando aquecemos a água e adicionamos os grãos moídos. Nessa fase ocorre a atuação das enzimas responsáveis pela conversão do amido em açúcares. Ao final dessa fase teremos um líquido doce, chamado mosto.

Filtração e Lavagem

Nessa etapa, as cascas do malte são utilizadas como elemento filtrante para a separação do mosto do bagaço do malte. À medida que o mosto é filtrado e transferido para o caldeirão de fervura, mais água é adicionada para aproveitar o açúcar residual presente no bagaço.

Fervura

O mosto passa, então, por uma fervura vigorosa, a fim de matar bactérias e outros microorganismos. É nessa etapa que o cervejeiro adiciona o lúpulo, que confere amargor, sabor e aroma à cerveja.

Resfriamento

Após a fervura o mosto passa por um processo de resfriamento, preparando-o para a adição do fermento.

Fermentação

A fermentação tem início com a inoculação do fermento. É nessa etapa que as leveduras utilizam como alimento os açúcares produzidos na mostura, produzindo álcool e gás carbônico. Na maioria das vezes a fermentação termina em poucos dias, mas no caso de cervejas mais alcoólicas, pode demorar semanas.

Maturação

Logo após a fermentação, tem início a fase de maturação, que tem como objetivo equilibrar os sabores e aromas da cerveja. Essa fase pode ter duração de alguns dias ou, no caso de cervejas muito alcoólicas e complexas, meses ou até mesmo anos.

Envase

Finalmente a cerveja é preparada para o envase, engarrafada, e em breve será refrigerada e servida a uma roda de amigos em uma mesa de bar.

Saúde!