• Facebook
  • Google plus
  • Twitter
  • LinkedIn

Você conhece as cervejas híbridas?

Criadas através da necessidade, tradição e criatividade, as cervejas híbridas são meio Lagers e meio Ales ou meio Ales e meio Lagers, dependendo da situação. De qualquer maneira, essas cervejas ultrapassam a linha limite que normalmente separa dois mundos da cerveja, a classificação básica entre cervejas Ale e Lagers.

As cervejas híbridas podem ser uma boa opção para os cervejeiros que ainda não tem a habilidade de fabricar cervejas do estilo Lager, onde ela normalmente requer refrigeração no seu período de maturação secundária.

As leveduras de alguns estilos de cerveja híbrida podem fermentar bem dentro do limite projetado para fermentos do estilo Ale. Mas, mesmo assim, ainda retém o caráter e a leveza de um fermento Lager. 

Abaixo, vamos listar alguns dos estilos de cervejas híbridas: 

California Common 

É um estilo de cerveja norte-americano que estava há muito tempo esquecido, até ser resgatado pela Anchor Brewing. A Steam Beer revitalizou esse estilo de cerveja, se atendo aos princípios básicos das California Common. 

Este estilo é fermentado com leveduras Lager incomuns que respondem bem em altas temperaturas. O seu lúpulo, o Northern Brewer, oferece um amargor consistente e alguns aromas de terra e sabor amadeirado. Maltes cristal e outras especiarias são acrescidas, dando uma coloração avermelhada para o resultado final da cerveja. 

Altbier 

A palavra Alt significa velho em alemão e, portanto, trata-se de um antigo estilo de cerveja, preparado naquele país em períodos anteriores ao início da fabricação das cervejas Lager na Alemanha. 

Alts são de coloração âmbar por causa da utilização de maltes torrados. Detém, também, a riqueza do sabor do malte, o que as faz se parecer com cervejas Bock e Dunkel. A cerveja é usualmente seca e tem um certo teor de amargor vindo de seu lúpulo. Uma variação chamada Sticke ou Secret Alt é maior e mais arrojada em termos de álcool e sabor. 

Kolsch

A Kolsch abriga muito da técnica da fabricação de Lagers na Alemanha, mas é feita com fermentos de cerveja Ale. A bebida é tradicional da região da Renânia Westfália do Norte, da região da cidade de Colônia. Geralmente, a Kolsch é feita com 100% de malte Pilsner.

Porém, alguns cervejeiros artesanais incluem um pouco de trigo na solução, para deixar uma cor mais pálida e ajudar no sentido de completude da bebida. O líquido apresenta muita palidez e claridade, com um aroma de malte. O sabor é limpo, com uma boa presença de amargor, determinando um final seco e um aumento na drinkability.